Como considerar a tecnologia

O tempo passado em casa já não se resume a dormir e tomar refeições, já que existem cada vez mais possibilidades tanto ao nível de produtividade como de entretenimento e a “culpa” é da tecnologia. Este é o resultado do estudo “Tecnhomic Index” da Samsung que garante que as inovações tecnológicas fizeram com que os portugueses construíssem uma vida doméstica mais rica.

Depois de inquirir 18 mil pessoas em 18 países europeus, a Samsung descobriu que os portugueses se inserem na categoria de “early adopters” já que serviços como streaming de televisão já fazem parte do dia-a-dia de 30% da população, mais 9% do que a média europeia, tal como o streaming de música adoptado por 21%, mais 3% do que os restantes europeus.

Quanta à mobilidade, Portugal registou uma taxa de penetração dos telefones móveis e de televisão de 99%, sendo que em cada casa existem, em média, duas televisões e pelo menos um tablet. Consequentemente, os níveis de dependência também são elevados, com 96% dos portugueses a garantir que não consegue passar um dia sem o telemóvel e 95% sem TV, situação que faz com que passem diariamente 3h12m em frente à televisão.

O “Tecnhomic Index” da Samsung aponta ainda para o lar como um hub para o universo cultural e pessoal já que é lá que se podem trabalhar, estudar ou relaxar de acordo com as próprias regras e usufruindo da panóplia de equipamentos que já fazem parte da rotina. As casas portugueses têm um número médio de 21 dispositivos tecnológicos, mais três do que a média europeia. Inês Costa, consumer and marketing insight da Samsung Portugal, conta, em comunicado, que «estamos, neste momento, a viver um período de mudanças sem precedentes» e que «conseguimos explorar o mundo, educar-nos e enriquecer as nossas experiências de vida, e tudo dentro das nossas casas».

Uma das conclusões mais curiosas do estudo está relacionada com a gastronomia já que Portugal foi considerado o país a nível europeu onde se cozinha com mais frequência em casa – aproximadamente 29 vezes por mês. Adicionalmente, um em cada dois portugueses utiliza diariamente um equipamento de limpeza e 99% utiliza um electrodoméstico de cozinha pelo menos uma vez por semana.

Sete Jafete

Sete Jafete

Formado em Tecnologia de Sistemas pela Universidade Adventista de S. Paulo - UNASP, Brasil. Atualmente trabalha com Desenvolvimento Web e Criação de Aplicações em WordPress Avançado. Analista de Sistema e Designer Gráfico.

Popular Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *